Wednesday, October 10, 2007

O CDS/PP é o quê?



O Expresso desta semana noticia que Ângelo Correia quer "um PSD mais social-democrata" (portanto, mais à esquerda).
No entanto, o PSD não deixa de se considerar como "o maior partido da direita" (apenas quando a distinção de "direita" não é mal vista).

No mesmo Jornal, na página seguinte, Pires de Lima comenta a vitória de Menezes, considerando que o CDS/PP pode consolidar a sua posição de "único partido de direita", pois Menezes está colado no/ao centro-esquerda.
De seguida seguida, o mesmo Pires de Lima, afirma que o CDS/PP se concentrará mais no centro-direita - se pensarmos bem, faz sentido o que ele diz. Como Freitas sempre disse, o CDS é um partido centrista).
Mas afinal onde ficamos?
Direita ou Centro?

Por fim, termina a "entrevista" reafirmando que, com Menezes no PSD, e sendo ele um populista, Paulo Portas terá oportunidade de se tornar "mais credível e respeitável", concluindo, mesmo no final, que a vitória de Menezes também é boa para o CDS/PP, pois este, nunca no passado, se "deu mal" com o partido popular, ao contrário de Mendes.

Conclusão:

É uma pena que o CDS/PP não se assuma como um partido independente (que é, segundo os estatutos) e viva eternamente na sombra e dependente do PSD, que como o próprio é um vazio ideológico.
Para quando um CDS forte e objectivo, tanto ideologicamente como na prática?

1 comment:

a voz said...

"Para quando?"
A Pergunta certa, no momento certo!
Quanto lamento ver o CDS sem rumo e sem Futuro, o que ainda é mais grave.

Abraço.
Mário